Itens Obrigatórios de Segurança
Itens Obrigatórios de Segurança

 Encosto de Banco  Encosto de Cabeça Vazado   ENCOSTO DE CABEÇA NÃO É ENFEITE

Complemento dos bancos dos carros é na verdade um importante item de segurança para o motorista e passageiros.
É comum os motoristas, antes de sair dirigindo, regular a altura e a distância do banco, os espelhos retrovisores (interno e externos).

No entanto, é difícil encontrar alguém que tenha o hábito de ajustar a altura do encosto de cabeça dos bancos.  Como qualquer outro equipamento de segurança presente no veículo, sua eficiência depende exclusivamente de ser utilizado da maneira correta.
De acordo com Fabio Racy, presidente da Associação Brasileira de Medicina de Tráfego (Abramet), um referencial para ajustar o acessório é colocá-lo na linha (altura e direção) dos olhos, nem acima nem abaixo da nuca. Ajustado desta forma, o centro do encosto (local onde a cabeça deve bater em caso de impacto) em uma colisão traseira, por exemplo, evita a ocorrência do efeito 'alavanca' ou 'chicote', onde a cabeça fica desprotegida movimentando-se livremente para frente e para trás - o que pode provocar sérias lesões no pescoço e na coluna cervical e comprometer os movimentos dos braços e das pernas. 'Há situações (acidentes) em que as pessoas podem ficar até tetraplégicas', afirma Racy.
Para os especialistas, o motorista brasileiro ainda não tem noção das conseqüências do uso incorreto do encosto de cabeça
. 'O ideal seria campanhas educativas que possam incentivar e orientar as pessoas a utilizar o acessório inclusive nos bancos traseiros', comenta Alexandre Novaes, coordenador de Segurança Veicular da Associação Brasileira de Engenharia Automotiva (AEA).
Com o objetivo de assegurar mais segurança ao motorista e passageiros contra impactos que podem ocasionar lesões na coluna e no pescoço, o Conselho Nacional de Trânsito (Contran), por meio da
resolução 044/98, instituiu a obrigatoriedade do encosto de cabeça nos bancos dianteiros laterais (próximos aos vidros das portas), nos veículos nacionais e importados zero-quilômetro.

No assento central (presente em picapes, por exemplo) e nos traseiros instalar o acessório é opcional.
A falta do equipamento no carro está prevista no artigo 230, item 10 do Código de Trânsito Brasileiro e estabelece infração grave com multa no valor de R$ 127,00, além de acumular cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação.
Os modelos mais antigos, onde o acessório ainda não era tratado como item original de fábrica, estão livres desta penalidade. No entanto, a orientação do Departamento de Trânsito (Detran) para os proprietários que mesmo assim desejarem adaptar o equipamento é sempre procurar empresas credenciadas pelo Instituto Nacional de Metrologia (Inmetro). 'Esta é a garantia que o consumidor tem que o equipamento foi testado e aprovado'comenta Antônio Araújo, chefe da Divisão de Veículos do Detran.

Vale ressaltar que no momento de projetar um veículo cada montadora fica responsável por escolher que tipo de encosto vai utilizar.

                                  Em modelos esportivos, por exemplo, é comum adotar o encosto vazado que auxilia o motorista em manobras de marcha à ré. A maior preocupação dos fabricantes é com relação a fixação e o material a ser utilizado na composição do acessório (ferragem, espuma, borracha, estofamento) que não deve ser nem muito rígido (de forma a machucar a cabeça) nem muito maleável (a ponto de quebrar com o impacto).

A postura ao volante é o primeiro passo para dirigir com segurança e, para tanto, a cabeça deve ficar bem próxima do encosto e com o pescoço relaxado.

http://www.transitobr.com.br/index2.php?id_conteudo=39

 

x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-

 

Extintor  Incêndio ABC ABC X BC Extintor de Incêndio Veícular BC   EXTINTOR DE INCÊNDIO

 Os equipamentos de prevenção e combate a incêndios devem ser mantidos em perfeito estado, para que funcionem perfeitamente quando solicitados.

Todo extintor deve ser vistoriado periodicamente, para verificação de conteúdo, componentes acoplados e carcaça. Essa revisão completa deverá ser efetuada ao se aproximar a data de vencimento e por empresa especializada composta de agentes qualificados.

Cuidado: a ausência do lacre pode significar que o extintor possa estar vazio ou com carga incompleta, ou ainda que já tenha sido parcialmente ou totalmente utilizado. 

Como usar

= Aproxime-se cuidadosamente do foco do incêndio, de costas para o vento.

= Rompa o lacre... Aperte o gatilho e aponte (direcione) o jato para a base do fogo, movimentando em forma de leque.

= Atenção: A carga do extintor de veículos é suficiente apenas para princípios de incêndio.

 Os veículos fabricados a partir de 1.º de janeiro de 2005 deverão sair de fábrica equipados com o extintor ABC, capaz de apagar incêndios das classes A, B e C, como os materiais sólidos, líquidos inflamáveis e materiais elétricos. O extintor ABC tem garantia de 5 anos, não podendo ser recondicionado.

 

x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-

 

Pneus  PNEUS

Os Freios param as Rodas, mas são os Pneus que param o Veículo.

Como todos os demais itens de segurança, os pneus devem ser constantemente verificados pelo proprietário ou condutor do veículo.

Alguns pneus ainda são equipados com câmara de ar. Pneus sem câmara são mais seguros.

Principais Cuidados Com os Pneus:

= Calibrar os pneus regularmente, principalmente antes de viagens, obedecendo recomendações do fabricante. Calibre os pneus com a pressão correta e seu carro ira se tornar mais econômico. E não esqueça de calibrar também o Pneu-Reserva (Socorro/Estepe).

= Pressões incorretas, principalmente abaixo do normal, causam desgaste prematuro e desestabilizam o veículo.

= É necessário fazer o balanceamento, sempre que trocar os pneus ou notar vibrações no veículo e oscilações no volante.

= Os pneus da tração se desgastam mais depressa. Para igualar o desgaste do conjunto, deve-se efetuar o rodízio.

= O estepe (pneu socorro) deve sempre estar em perfeitas condições e lócicamente também deve estar devidamente calibrado.

Pneus “carecas”, com menos de 1,6 mm de profundidade dos sulcos, constituem um fator de perigo muito grande.

Por Que?

= Aumentam muito o risco de AQUAPLANAGEM.

= A segurança em curvas e frenagens fica seriamente comprometida.

= Um pneu careca pode estourar a qualquer momento.

Pneus - Sulcos PNEU 'CARECA' É UMA ECONOMIA QUE NÃO COMPENSA 

Pneus em bom estado permitem evitar acidentes graves e poupar vidas.

Para você saber se seu pneu está em boas condições, procure nas suas laterais os símbolos de um "triângulo" ou a inscrição "TWI" . Esses símbolos encontram-se em relevo e na posição de desgaste máximo dos pneus (1,6 mm). quando não mais os ver, é sinal que já esta na hora de trocar os pneus.
Pneus mais largos andam pior no molhado e aumentam o consumo. 
Pneus novos precisam de alguns km para adquirir a aspereza necessária.
Um veículo que se desloca a 80 km/h sobre uma pista molhada com 2,5 mm de água, terá que remover 5 litros de água por segundo para que permaneça em contato com o solo. Pneus lisos ou com as canaletas bem desgastadas não conseguem fazer isso!
Antes de viajar (calibre os pneus com a pressão correta e seu carro ira se tornar mais econômico e seguro. E não esqueça de calibrar também o Pneu-Reserva (Socorro/Estepe)).

 

X=X=X=X=X=X=X=X=X=X=X=X=X=X=X=X=X

 

DICAS - SEU AMIGO DO PEITO - O CINTO DE SEGURANÇA

Numa colisão a 20 km/h, nosso corpo é arremessado contra o volante, painel e para- brisa com a força equivalente a 6 vezes o peso do nosso corpo. Compare as fotos abaixo e veja o que acontece com quem não usa o cint0.

Acidente - Sem Cinto   Acidente - Sem Uso do Cinto de Seg.

=O cinto dá firmeza, mantém o motorista na posição correta de dirigir e ameniza o cansaço.

=Se o carro pegar fogo ou cair num rio, com o cinto há mais chances de se permanecer consciente e escapar do veículo.

=O que mais dificulta a saída do veículo, são as ferragens retorcidas. O fecho do cinto é acionado com extrema facilidade.

=A probabilidade de sobrevivência com o cinto é 5 vezes maior que sem ele.

=Habitue as crianças a usarem o cinto, os bons hábitos devem começar na infância.

=Habitue-se a colocar o cinto sempre, mesmo para pequenas distâncias, imprevistos não têm hora.

=Exija que os passageiros do seu carro usem o cinto de segurança, o condutor é responsável pela segurança de todos.

=É obrigatório o uso do cinto por todos os ocupantes do veículo (exceto em veículo que seja permitido viajar á pé), infração de trânsito grave, multa de 120 UFIR.

=O uso do cinto reduz em 40% os riscos de morte e lesões graves em acidentes de trânsito.

=O cinto é a melhor proteção que se pode oferecer dentro de um veículo para a gestante e seu bebê.

=Evita que você seja arremessado para fora do veículo e venha a sofrer graves lesões ou morra.

=Evita lesões no globo ocular, rosto, tórax, cabeça.


Uma maneira de saber se o cinto esta funcionando corretamente, devemos iniciar o procedimento de colocá-lo, quando a fivela estiver na altura do peito, puxaremos rapidamente, com força, para frente, se ele estiver bom, deverá travar, se não for o caso, você deverá procurar oficina competente para o conserto ou substituí-lo.

CASO DENNER

O jovem e promissor jogador de futebol Denner, morreu afixiado pelo cinto de segurança em um acidente.

Caso Denner

O jogador viajava no banco do carona de seu Mitsubishi dirigido por um amigo, com o banco reclinado na posição quase deitado, quando ocorreu o acidente. Com a força do impacto, seu corpo (naturalmente) foi projetado pra frente, como ele estava de cinto e usando-o na posição errada, o seu pescoço prendeu-se no cinto que veio a afixia-lo

Esse é um clássico exemplo de que o cinto é pra ser usado corretamente e esse mesmo exemplo NÃO DEVE ser usado com argumentos de que o cinto mata.

http://www.transitobr.com.br/index2.php?id_conteudo=36

 

XX=XX=XX=XX=XX=XX=XX=XX=XX=XX=XX=XX=XX=XX=XX

Translate this Page
VOTE AQUI
Redução da Jornada de Trabalho p/ 40 Hrs/Semana
SIM= Sem Redução Salarial
SIM= Com Redução Salarial
NÃO
NÃO SEI RESPONDER
TENHO DÚVIDAS
SOU NEUTRO
Ver Resultados

Rating: 2.7/5 (409 votos)




ONLINE
1




Partilhe este Site...